inicio / Diocese de Crato

Diocese de Crato

topo-site1

Coordenador Diocesano: Jurandir Nascimento

Bispo Diocesano: Dom Fernando Panico, MSC

 

crato_ccrato_História

 

A Diocese de Crato foi criada em 20 de outubro de 1914, pelo Papa Bento XV, através da bula papal Catholicae Ecclesiae, sendo desmembrada do território da Diocese do Ceará (hoje Arquidiocese de Fortaleza). Sua sede é a Catedral de Nossa Senhora da Penha no município do Crato.

Ela situa-se no extremo sul do Estado do Ceará, limitando-se com as dioceses de Iguatu (Ceará), Cajazeiras (Paraíba), Afogados da Ingazeira e Petrolina (Pernambuco), Picos (Piauí). A sede da Diocese e algumas cidades situam-se no Vale do Cariri e Chapada do Araripe (área marcada pelo verde da vegetação, solo esponjoso calcáreo, camadas superiores do sub-solo de arenito, considerável número de fontes) e sertão que a circunda.

Sua abrangência territorial compreende os municípios de: Abaiara, Altaneira, Antonina do Norte, Araripe, Assaré, Aurora, Baixio, Barbalha, Barro, Brejo Santo, Campos Sales, Caririaçu, Crato, Farias Brito, Granjeiro, Ipaumirim, Jadim, Jati, Juazeiro do Norte, Lavras da Mangabeira, Mauriti, Milagres, Missão Velha, Nova Olinda, Porteiras, Potengi, Penaforte, Salitre, Santana do Cariri, Tarrafas, Umari e Várzea Alegre.

Hoje possuímos 55 paróquias que estão organizadas em cinco Regiões Forâneas (I, II, III, IV e V) compreendendo uma superfície total de 17.648,4 km2, com uma população de 1.015.082 habitantes e densidade populacional 52,32 hab/ km2

BOT_NOT_DIOCESES